Taça Portugal: VFC segue em frente com vitória pela margem mínima

Publicado por em 25 Setembro, 2017

Golo de Joel aos 33’ coloca turma de António Barbosa na 3ª eliminatória de competição.

O Vilaverdense Futebol Clube deslocou-se este fim-de-semana a Esmoriz, no concelho de Ovar, para disputar a segunda eliminatória da Taça de Portugal Placard. A turma de António Barbosa conseguiu a passagem à próxima fase com um resultado curto mas merecido, após vitória por 1-0, com o tento vilaverdense a ser convertido por Joel.
As condições estavam boas e o futebol correspondeu. Em fim-de-semana de Taça para os escalões inferiores, o Vilaverdense arrancou a ferros uma vitória suada pela margem mínima ao Sporting Clube de Esmoriz. Os homens da casa até começaram melhor, com domínio nos primeiros dez minutos de jogo, com boa circulação e posse, também com tentativas de chegar com perigo à área de Pedro Freitas. Com as indicações do técnico António Barbosa, o “vila” conseguiu equilibrar o jogo, com mais posse bola e com o domínio geral da partida.
Ainda que com algumas alterações em relação ao último jogo, os minhotos foram quase sempre superiores, o que se veio a materializar ao minuto 33, quando o avançado Joel disferiu um potente remate a meia altura, fazendo o primeiro e único golo da partida. Nada podia fazer o guardião esmorizense, ao ver a bola entrar com violência junto da malha lateral interior da sua baliza.
Na segunda parte a história foi-se repetindo, com o Vilaverdense a ter mais bola e a tomar a iniciativa do jogo. Com o segundo tempo vieram também várias alterações nas duas formações, com três mudanças operadas para cada lado.
Apesar dos esforços dos homens da casa, o “vila” foi mais experiente e conseguiu segurar o resultado até ao fim.
Narciso Tavares, técnico do SC Esmoriz, era um homem conformado com o resultado, afirmando que acabou por ser justo por aquilo que foi feito dentro das quatro linhas. O jovem treinador referiu também que a média de idades da sua equipa era de apenas 22 anos, o que augura um bom crescimento futuro. Apesar da queda nesta competição, Tavares acabou por dizer que o campeonato distrital da AF de Aveiro continua renhido, mas que a subida sempre será um dos seus objetivos.
Mais feliz estava António Barbosa, que conseguiu passar à terceira eliminatória da Taça de Portugal. Confrontado com quem gostaria de apanhar na próxima fase, defende-se dizendo que o próximo jogo é a contar para o campeonato, e que será para esse que vai fazer a sua equipa trabalhar nesta semana que começa. Quanto às dificuldades que o Esmoriz causou, não foram surpresa: jogadores com valor, jovens e fortes fisicamente, algo já esperado, o que exigiu à sua equipa um trabalho sólido e consistente, para deixar as surpresas da Taça de lado.
No próximo dia 30, o Vilaverdense Futebol Clube recebe no seu reduto o Arões, jogo a contar para a 5ª Jornada do Campeonato de Portugal Prio.
O sorteio da 3.ª eliminatória, onde já entram os clubes da Primeira Liga, está agendado para 28 de setembro.

 

Ficha de Jogo

Local: Estádio da Barrinha

Árbitro: Marco Brito Cruz (AF Porto)

 

SC Esmoriz:

Renato Lopes; João Dias, Ruben Pereira, Fábio Gonçalves e Rui Pereira; Pedro Godinho (cap.), Filipe Leite e Coronel; João Alves, Kenneth Kalunga e João Carvalho.

Treinador: Narciso Tavares;

 

Vilaverdense FC:

Pedro Freitas; Pedro Lemos, Vinicius, Nené (cap.) e João Carneiro; Ibraima, André Salvador e Ahmed (Latyr, 67′); Rafa Miranda (André Soares, 73′), Tanela (José Pedro, 86′) e Joel Silva.

Treinador: António Barbosa;

 

Disciplina

Cartões Amarelos:

AR S.º Martinho: Fábio Gonçalves, 88’;

Vilaverdense FC: André Soares, 77’;

 

Golos:

(0-1) Joel Silva, 33’.

 Prémio Melhor em Campo VFC/ Bola P’ra Frente: Joel Silva;

 

Sala de Imprensa

António Barbosa

 

Narciso Tavares

Categorizado como

Current track
Title
Artist